Acidentes envolvendo motos chegam a 4.500 em 1 ano. Comissões de Saúde e de Transporte da Câmara de Jequié discutem soluções

Na manhã da última quinta-feira, dia 08, foi realizada a reunião das Comissões de Saúde e de Transporte da Câmara Municipal de Jequié, que contou com a presença dos vereadores Reges Silva (presidente da Comissão de Saúde), Soldado Gilvan, Pastoleiro, Eliezer Fiim, representando à Comissão de Saúde, e pela Comissão de Transportes, Admilson Careca, e como convidado o presidente da Comissão de Educação da Câmara, vereador Joaquim Caires.  Reges Silva falou da importância das comissões como instrumento de discussão das demandas do nosso município, tendo informado que em uma pesquisa realizada no período de 01 de março de 2017 a 01 de março de 2018, ocorreram em nossa cidade mais de 4.500 acidentes envolvendo motociclistas, e que mais de 50% destes acidentes deixaram vítimas com sequelas permanentes, o que se traduz estes dados como uma questão de saúde pública.

O vereador Admilson Careca, propôs o mapeamento da cidade, identificando os pontos críticos, e que a lei que municipaliza o trânsito seja regulamentada. Eliezer Pereira Fiim por sua vez sugeriu que além das campanhas educativas, fossem implantados radares eletrônicos. Já Joaquim Caires propôs a regulamentação da Junta Administrativa de Recursos de Infrações (JARI) e que seja introduzida na grade curricular do município a disciplina Educação para o Trânsito. O vereador Pastoleiro propôs um estudo para implantação da Zona Azul na busca por melhoria em relação a estacionamentos. O vereador Soldado Gilvan propôs a retomada do estudo que fora feito a respeito do trânsito do município, principalmente sobre o transporte alternativo mototaxi. Segundo Gilvan, a Suntram precisa ser mais operante, pois o trânsito de Jequié está em situação degradante.  Reges Silva sugeriu a realização de uma Audiência Pública para discussão do tema da referida reunião, o que foi aceito por todos os presentes, ficando marcado o mesmo para o dia 12 de abril, às 17 horas. Ficou também decidido convidar os seguintes órgãos: PRF, PRE, Sumtran, Policia Militar, Bombeiros, UESB, HGPV, Sindicato dos Taxistas, Associação dos Mototaxistas, Secretárias Municipais de Saúde, Infraestrutura e Serviços Públicos, ACIJ, CDL, Ministério Publico, Conselho Comunitário de Jequié, Clubes de Serviço, Observatório Social de Jequié, Conselho de Leigos e Coordenação Diocesana das CEBs.