DA SÉRIE: O que o povo ainda quer. PARTE II

Quando perguntado o que o povo ainda quer, não é difícil encontrar respostas, ainda mais em uma cidade onde é flagrante a falta de capacidade administrativa para solucionar os problemas que se perpetuam ao logo da história. A situação do trânsito é um exemplo clássico da inoperância da gestão pública, que sequer leva adiante um simples projeto de fazer a sinalização horizontal tão importante para a segurança dos pedestres. Triste observa uma Prefeitura que não reúne condições de pintar faixas nos cruzamentos das poucas ruas do centro comercial, portanto, oferecer soluções para problemas básicos.

Praça da Bandeira, área de grande movimentação. Imagem: Souza Andrade