Prefeito faz mudanças na saúde derruba por terra narrativa de aliados de que afastamento seria ruim em meio à pandemia

A narrativa de que o afastamento de Sérgio da Gameleira do cargo de prefeito de Jequié em meio à pandemia do novo coronavírus seria uma estupidez, caiu por terra, na avaliação de muitos no meio político local.

A demissão, no último dia 22 de junho/20, de vários profissionais da área da saúde que exerciam função de coordenação, por si só, desfaz o argumento usado por defensores da manutenção de Sérgio na cadeira de prefeito que chegaram a anunciar que ocorreria uma verdadeira tragédia em uma eventual mudança de prefeito.   

De acordo com o BNews, a Prefeitura informa que “as mudanças são no sentido de melhorar a operacionalização dos serviços de saúde”. A justificativa, no entanto, é vista, principalmente no meio político, com desconfiança e atribuída ao jogo que culminou com a permanência de Gameleira no cargo. Apostam que esses profissionais serão substituídos, desta vez por indicação de quem ajudou a salvá-lo da cassação. Quem vai indicar é a grande incógnita, mas, especialistas de plantão alertam: Não se AVEXE NÃO porque mais cedo ou mais tarde tudo virá à tona e todos saberão quem luta bravamente para deixar as coisas como estão”.