JEQUIÉ: Moradores denunciam infestação de escorpiões e temem que situação esteja fora de controle

Moradores da Urbis, em Jequié, estão apreensivos com a infestação de escorpiões e temem que a situação possa estar fora de controle. Somente em uma residência, na primeira semana de 2021, nada menos do que onze deles foram encontrados no interior do imóvel que é habitado por três pessoas (duas adultas e uma criança pequena). A família entrou em pânico e logo passou a procurar uma nova casa para alugar. “Não faz muito tempo que mudamos para esta rua, mas o problema nos assustou muito. Estamos preocupados com a invasão dos escorpiões e não permaneceremos aqui, principalmente porque temos uma criança de quatro anos correndo risco de um acidente. Alias todos nós estamos em risco”, disse o morador ao Blog jequieeregiao.com.br

Os escorpiões gostam de ambientes quentes e úmidos. Um dos fatores que podem contribuir para a proliferação de escorpiões é a presença de lixo e entulho nas proximidades das casas. Esses ambientes são propícios para o aumento de baratas, que são o principal alimento dos escorpiões.

Como se não bastasse, as fêmeas não precisam dos machos para se reproduzir. Cada fêmea é capaz de reproduzir sozinha, uma média de 20 a 30 filhotes a cada ciclo. A recomendação é que as pessoas fiquem atentas a limpeza da casa (para não atrair baratas) e cuidar de terrenos vizinhos abandonados e ao encontrar um escorpião em casa, a prefeitura deve ser avisada para tomar as devidas providências.

Infestação de escorpiões no Brasil pode ser imparável, diz pesquisador -  Revista Galileu | Meio Ambiente